quinta-feira, 21 de dezembro de 2006

Leio o que escrevo e não me apetece escrever...

A instabilidade de mim faz com que deixe de ser o que era...
a cada segundo que passa...

As páginas brancas chamam por mim,
mas sou incapaz de escrever o que quer que seja!

Vejo-me quando escrevo, perco-me quando leio,
desconheço-me quando penso...

Não sei ser!
Sei o que não sou, mas sou incapaz de me identificar...

Deixo assim para trás tudo o que escrevi,
tudo o que risquei, tudo do que gostei!

Perco-me neste não saber ser para saber o que não sou!

Desculpa-me mas não te posso aceitar... não agora...
talvez nunca... mas quem sabe?

Esta invariabilidade de sentir,
este gostar de não gostar ou então o não gostar de gostar...

Já não sei quem sou!

Já não sou quem fui!

Não sei o que irei ser...

2 comentários:

Anónimo disse...

humm...isto está complicado.

:))

rosa disse...

Está complicado mesmo!
Espero que o ano novo te traga mais paz de espírito e maior compreensão sobre ti mesmo.........