terça-feira, 13 de junho de 2006

Há algo de errado... será comigo?


Bem não sei se é de mim ou dos outros... mas que interesse tem isso?
Como temia estava tudo bem demais para ser verdade! O rumo estava perfeito tinha de haver uma falha... Mas porquê atacar sempre o que queremos mais?

Mesmo não querendo acabamos sempre por ser arrastados para onde menos desejamos! Acabamos por tomar decisões com as quais não concordamos, a impotência que se reflecte na juventude que possuímos... Tudo ajuda a enterrar-nos cada vez mais...

A falta de descanso cada vez mais se torna insuportável, o facto de não conseguir dormir uma noite seguida sem acordar sobressaltado com as imagens do impacto! A impotência que se sente quando todas as hipóteses estão esgotadas!

Contra os meus princípios e apoiado no simples facto da falta de capital vou ser OBRIGADO a abrir mão da minha negrinha...
Vou ter de esperar que surja uma nova oportunidade, mas espero já ter mais cabeça na altura, optar por algo mais calmo, nada que me obrigue a tocar os limites!

Até lá vou ter de viver com a dor permanente de não a puder tocar... tenho de viver com este fardo! É o fado que se me avizinha...

Como diria Max Cavalera : “Pain, Makes Me Stronger / Everyday / Life Is Chaos / You Gotta Deal With It”

Se na vida não houvesse sofrimento, esta perdia a piada toda!

2 comentários:

Jojó disse...

Blog pessoal!!! Muito bem, este estava escondido...

Anónimo disse...

Macaco!!
Já sabias e não disseste nada...
è preciso eu ter uma tarde mais descansada para andar na coscuvilhice e descobrir isto!
Eu a pensar que só ia descobrir dados astrológicos sobre o Afonso e sai-me um blog!
Não te perdoo Jorge :(